CMAM realizou mais de 5 mil sessões terapêuticas em seis meses

O Centro Municipal de Atendimento Multidisciplinar (CMAM), que atende a alunos diagnosticados com transtorno e ou dificuldade de aprendizagem na faixa etária de 5 a 14 anos, realizou de janeiro a junho deste ano 5.350 sessões terapêuticas, 149 atendimentos médicos de primeira vez, 710 atendimentos médicos de retorno. São 112 alunos da rede municipal de ensino em tratamento terapêutico. O CMAM constitui-se em uma parceria entre FMS e Secretaria Municipal de Educação (SEMEC).

“Nós oferecemos sessões terapêuticas com psicólogo, fonoaudiólogo, terapeuta ocupacional e psicopedagoga. Hoje esse atendimento é todo realizado no próprio CMAM e em locais parceiros do SUS”, afirma Daniela Escórcio, diretora do Centro Municipal de Atendimento Multidisciplinar.

O tratamento de cada criança no CMAM dura de 3 a 9 meses.

“Atendemos as demandas daquele alunado que possui dificuldade de aprendizagem. Um projeto de suma importância e que muda o futuro escolar de crianças e adolescentes da capital”, fala Daniela Escórcio.

Os profissionais da área de educação precisam lidar com alunos que apresentam os mais diversos históricos.

“Alguns possuem uma condição socioeconômica desfavorável, outros não recebem o incentivo correto para o estudo em casa e há os apresentam problemas de fundo biológico. Neste último caso, estamos entrando no campo dos transtornos de aprendizagem”, enfatiza Daniela Escórcio.
Leia também:  Cidade Junina 2023: Veja como o evento movimenta o cenário cultural e o comércio

Sane Araujo

Jornalista e pesquisadora, formada em Comunicação Social pela Universidade Federal do Piauí.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Últimos artigos do Blog