Descrição da imagem
/

Dia Internacional da Mulher: ISAC celebra valorização feminina na saúde pública

Colaboradoras femininas são maioria no ISAC, inclusive em cargos de destaque e liderança, e estão presentes em todas as unidades de Saúde sob gestão do Instituto; conheça a trajetória de Wal França

O Dia Internacional da Mulher é uma data histórica e representa a luta das mulheres por igualdade de oportunidades e direitos em todas as esferas da sociedade. E neste dia 8 de março, o HEDA – Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, em Parnaíba (PI), sob gestão do ISAC – Instituto Saúde e Cidadania, tem muito a comemorar.

Atualmente, as colaboradoras femininas representam 72% do quadro do Instituto, que, além do compromisso com a saúde pública de qualidade, também se destaca pela valorização das mulheres em cargos de liderança.

Para se ter uma ideia, as mulheres estão à frente de nove das onze unidades de saúde sob gestão do ISAC, que está presente, em março de 2024, nos estados de Alagoas, Bahia, Piauí e Tocantins, mais o Distrito Federal.

Um exemplo inspirador é a trajetória de Wal França.

Foi um privilégio quando me convidaram para fazer parte do ISAC, pois eu já admirava os processos de trabalho e a política de Saúde da instituição. Como sou movida a desafios, aceitei, afirma.


Formada em Contabilidade e com especialização em Administração Hospitalar, Gestão em Saúde Pública e Auditoria Pública, Wal França ingressou no ISAC em dezembro de 2023, assumindo como diretora-geral do HEDA.

Leia também:  Piauí Pop: Fique por dentro do que irá acontecer no festival que inicia hoje (04/07)

Antes de compor o time ISAC, Wal França atuou em cargos de liderança no Hospital Regional de Paraíso, de 2015 a 2019, e no Hospital Regional de Araguaína, de 2019 a 2021, ambos no Estado do Tocantins.

Acredito que minha trajetória está apenas começando, que eu posso ir muito mais além e que o ISAC traz esse tipo de oportunidade, avalia Wal França. O meu recado para as mulheres é este: se esforcem e estudem, pois a gente tem possibilidade de crescer em instituições como o ISAC, que estimula de forma positiva e inclusiva, e de forma igualitári, conclui.

Em uma área onde muitas mulheres enfrentam um cenário desafiador para alcançar posições de destaque, o Instituto busca ser um exemplo a ser seguido tanto para a gestão em Saúde, quanto para a sociedade.

Leia também:  Correios abre inscrições para o 53º Concurso Internacional de Cartas

E neste Dia Internacional da Mulher, o ISAC reafirma seu compromisso em promover a igualdade de gênero e celebrar as conquistas e contribuições das mulheres, como Kamyla Bastos, que nos inspiram e que lideram pelo exemplo.

Sobre o HEDA

O Hospital Estadual Dirceu Arcoverde é custeado pelo Governo do Estado do Piauí e está sob gestão compartilhada do ISAC. Possui 278 leitos de internação e observação, oferece mais de 20 especialidades clínicas e cirúrgicas, e atende os casos de média e alta complexidade de urgência e emergência em seus três prontos-socorros: adulto, pediátrico e obstétrico. Em 2022, foi selecionado para participar do sexto ciclo do Projeto Lean nas Emergências e ficou entre os cinco hospitais do Brasil com o melhor desempenho.

Sobre o ISAC

O Instituto Saúde e Cidadania é uma organização social sem fins lucrativos com sede em Brasília (DF) e que gerencia unidades de pronto atendimento (UPAs), ambulatórios, multicentros de saúde, espaço saúde e hospitais. É a primeira OS do Norte e Nordeste – e a segunda da América Latina – a ser acreditada internacionalmente em Rede de Atenção à Saúde com o selo Acreditado Diamante da Qmentum Internacional.

Sane Araujo

Jornalista e pesquisadora, formada em Comunicação Social pela Universidade Federal do Piauí.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Últimos artigos do Blog