/

Prefeito Dr. Pessoa concede progressão a mais de 1.766 professores da rede municipal

Foto: Divulgação

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, assinou decreto, nesta segunda-feira (19), que garante a progressão e promoção aos professores da rede municipal de ensino. Serão beneficiados mais de 1.766 profissionais da educação.

Segundo o secretário Municipal de Educação, Nouga Cardoso, a última progressão e promoção dos professores da rede municipal havia sido implementada em 2016

. “Hoje o prefeito concede esse benefício a mais de 1.766 professores, com impacto mensal de mais de um milhão e 300 mil reais, o que traz mais dignidade e reconhecimento àqueles que fazem a melhor educação das capitais do Brasil. É importante dizer que na gestão do Dr. Pessoa todo o seu quadro de servidores efetivos que exercem docência na Semec receberam promoção ou progressão funcional. Essas atividades estavam suspensas, o que se tinha notícia é que a última promoção e progressão tinha acontecido em 2016. Nós atualizamos esse quadro, reconhecendo a importância desses servidores que fazem a educação de Teresina”

O prefeito Dr. Pessoa ressaltou que o decreto de progressão e promoção é um reconhecimento merecido aos professores

.Há muitos anos os professores não eram beneficiados com progressão e promoção, e agora estamos assinando esse decreto, respeitando aqueles que levam conhecimento para nossas crianças. Os professores da nossa capital estão sendo respeitados na prática, estamos colocando em dia o que esses profissionais merecem, para assim continuarmos em primeiro lugar na educação entre todas as capitais”

Reajuste

Em março, o prefeito de Teresina sancionou a Lei Complementar Nº 5.862/2023, concedendo reajuste salarial de 15% aos professores da rede pública municipal, acima do estabelecido pelo Ministério da Educação e com efeitos a partir de janeiro de 2023. O aumento concedido contemplou tanto o piso salarial, como as gratificações.

Leia também:  Governo do Piauí cursos preparatórios gratuitos para vestibulares do ITA e IME

Fonte: Ascom

Sane Araujo

Jornalista e pesquisadora, formada em Comunicação Social pela Universidade Federal do Piauí.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Últimos artigos do Blog