/

Polícia Militar do Piauí promove II Curso de Capacitação para Atendimento a Mulheres Vítimas de Violência Doméstica

Curso de capacitação para combater violência

Na manhã desta terça-feira (21), o Comando de Policiamento Comunitário – CPCOM da Polícia Militar do Piauí deu início ao II Curso de Capacitação ao Atendimento à Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar. A iniciativa tem como objetivo qualificar os policiais militares da Patrulha Maria da Penha para oferecer um atendimento especializado às mulheres vítimas de violência doméstica e fiscalizar o cumprimento das medidas protetivas urgentes. Com 115 inscritos, o curso acontecerá até o dia 23 deste mês.

Durante a capacitação, os participantes receberão instruções detalhadas sobre como orientar mulheres vulneráveis e sob proteção judicial, além de aprenderem os procedimentos necessários nesses casos. O Comandante Geral da PMPI, Coronel Scheiwann Lopes, destacou a intenção de expandir a atuação da Patrulha Maria da Penha para todo o estado do Piauí. Atualmente, a patrulha já possui bases nas cidades de Piripiri, Floriano, Parnaíba e Picos.

Leia também:  Gestão que Transforma reúne 1.000 gestores para tornar a educação do Piauí a melhor do Brasil

A descentralização da Patrulha Maria da Penha visa alcançar as vítimas de violência doméstica e familiar em todas as regiões do estado, encorajando-as a denunciar seus agressores e fornecendo as orientações e proteção necessárias. A meta é implantar unidades em todos os batalhões do interior através da chegada de novas viaturas ainda este ano.

A secretária da Sempi (Secretaria Estadual das Mulheres do Piauí), Zenaide Lustosa, ressaltou a importância dessa capacitação para o enfrentamento à violência doméstica e familiar. Ela destacou que o processo de interiorização da Patrulha Maria da Penha significa um avanço significativo nessa luta, descentralizando a política de proteção às mulheres e ampliando a rede de atendimento.

Essa ação conta com o apoio da Secretaria Estadual das Mulheres do Piauí e permitirá a interação dos policiais com essa rede de apoio, composta por profissionais da segurança pública dos 12 territórios onde as unidades serão implantadas. Ao longo desses três dias, debates e compartilhamentos de conhecimento acontecerão para fortalecer a atuação dos policiais no combate à violência doméstica.

Leia também:  Páscoa: significado para diferentes culturas e religiões

Em suma, o II Curso de Capacitação ao Atendimento à Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar busca promover uma formação adequada aos policiais que integram a Patrulha Maria da Penha, ampliar sua atuação por todo o estado do Piauí e incentivar as vítimas de violência doméstica a denunciarem seus agressores. Essa iniciativa é parte do esforço contínuo para enfrentar esse grave problema social e proporcionar uma maior proteção às mulheres em situação vulnerável.

Com informações de https://www.pi.gov.br/noticia/pmpi-promove-o-ii-curso-de-capacitacao-ao-atendimento-a-mulher-vitima-de-violencia-domestica-e-familiar

Meu Piauí

A Meu Piauí é uma revista online que apresenta e valoriza nosso estado, nossa cultura e nossa gente.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Últimos artigos do Blog