Descrição da imagem
/

Alerta Vermelho: Onda de Calor Intensa atinge todo o Brasil até sexta-feira (17)

onda de calor

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um novo alerta vermelho devido à onda de calor que atinge o Brasil, principalmente as regiões Centro-Oeste e Sudeste. O alerta está valendo desde segunda-feira (13) e permanecerá até sexta-feira (17). Segundo o Inmet, as temperaturas estão 5°C acima da média por mais de cinco dias, representando um perigo para a saúde das pessoas. A meteorologista Márcia Seabra destaca que esse é o nível máximo de alerta em relação ao calor praticado pelo instituto.

A situação deve continuar até sexta-feira, apesar de mudanças atmosféricas previstas a partir de sábado. No entanto, há possibilidade da onda de calor persistir mesmo com essas alterações. O alerta vermelho abrange todo o centro do país, incluindo as regiões Centro-Oeste e Sudeste, além de parte das demais regiões. A maioria do Nordeste ainda está em alerta amarelo, enquanto áreas como Acre e parte do Amazonas seguem em alerta laranja. Já os estados do Sul estão em alerta laranja.

Leia também:  Gov.pi Cidadão: Governo lança plataforma digital de serviços públicos

Nesta segunda-feira (13), São Paulo registrou o dia mais quente do ano, com temperatura chegando a 37,4°C na estação meteorológica do mirante de Santana, na zona norte da capital. Em outras partes da cidade, os termômetros marcaram temperaturas ainda mais elevadas: 38,5ºC em Interlagos, 39,5ºC na Vila Mariana e 39,3ºC na Mooca. A Defesa Civil do estado emitiu um alerta confirmando o aviso do Inmet e informando que as temperaturas devem se manter altas devido à permanência de uma massa de ar quente sobre o estado.

Entre terça-feira (14) e quinta-feira (16), a previsão é de máximas de até 39°C na região metropolitana de São Paulo e em São José dos Campos, com sensação térmica de 40°C. Na Baixada Santista, no Vale do Ribeira e em Itapeva, as máximas serão de 36°C. Já no litoral norte, Barretos, Franca, Ribeirão Preto, Araraquara e Bauru, as temperaturas podem chegar a 40°C. Em Sorocaba e Campinas, são esperados até 38°C, enquanto que Presidente Prudente, Marília, São José do Rio Preto e Araçatuba terão máximas de até 42°C. A temperatura na serra da Mantiqueira será um pouco mais amena, atingindo os 29°C por causa das características de clima de montanha.

Leia também:  Presidente da União Europeia anuncia apoio para construção de usina de hidrogênio verde no Piauí

Nessas áreas (exceto litoral), a umidade do ar estará muito baixa, em torno de 30%, exigindo cuidado redobrado das pessoas, como ingestão adequada de líquidos e evitar atividades ao ar livre nos momentos mais quentes. Os órgãos competentes estão monitorando constantemente essa situação para fornecer informações atualizadas à população e garantir sua segurança.

Notícia
O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um novo alerta vermelho para a onda de calor no Brasil.
O alerta está valendo desde segunda-feira (13) até sexta-feira (17).
As temperaturas estão 5°C acima da média por mais de cinco dias, representando perigo para a saúde.
A situação deve se manter até sexta-feira, com possibilidade de persistir mesmo com mudanças atmosféricas.
O alerta abrange principalmente as regiões Centro-Oeste e Sudeste, mas também alcança outras regiões do país.
No estado de São Paulo, foram registradas altas temperaturas, com máxima de 39,5ºC em algumas regiões da capital.
Entre terça-feira (14) e quinta-feira (16), são esperadas máximas de até 42°C em algumas cidades do estado.
A umidade do ar estará muito baixa, em torno de 30%, exigindo cuidados como ingestão adequada de líquidos e evitar atividades ao ar livre nos momentos mais quentes.
Órgãos competentes estão monitorando a situação para fornecer informações atualizadas e garantir a segurança da população.

Com informações de https://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2023/11/alerta-vermelho-para-onda-de-calor-e-ampliado-ate-sexta-17-em-todo-o-pais.shtml

Meu Piauí

A Meu Piauí é uma revista online que apresenta e valoriza nosso estado, nossa cultura e nossa gente.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Últimos artigos do Blog