Descrição da imagem
/

FGTS Futuro: Modalidade que alivia parcelas da casa própria será lançada em março, afirma ministro

FGTS Futuro

No mês de março de 2023, será implementada a modalidade chamada “FGTS Futuro”, que permitirá aos beneficiários do programa Minha Casa Minha Vida utilizar o saldo futuro do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço em financiamentos imobiliários. A informação foi confirmada pelo ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Wellington Dias, em entrevista à CNN.

A proposta visa possibilitar que os trabalhadores utilizem os créditos que ainda serão depositados no Fundo para abater ou amortizar as prestações dos imóveis financiados pelo programa. De acordo com Dias, essa nova modalidade oferecerá às famílias de baixa renda a oportunidade de adquirir imóveis melhores, uma vez que incrementará sua renda. O objetivo é ampliar o acesso dessas famílias às casas populares, proporcionando mais moradias para o público com rendimento até 2 salários mínimos.

Leia também:  Brasileiros lutam por mais imunizantes no SUS, mesmo em meio a movimentos antivacina

A modalidade “FGTS Futuro” foi aprovada pelo Conselho Curador do FGTS durante o governo anterior, porém ainda depende de regulamentação. Sua discussão está prevista para ocorrer em uma próxima reunião do colegiado marcada para o dia 19 de março.

De acordo com a proposta apresentada, esse recurso seria utilizado como uma garantia para aumentar a renda informada no momento da contratação do financiamento. Com isso, é possível que haja redução na taxa de juros cobrada pelos bancos.

No final de janeiro deste ano, o secretário nacional de Habitação do Ministério das Cidades, Hailton Madureira, afirmou durante um evento promovido pelo UBS que o “FGTS Futuro” estaria relacionado à faixa 1 do Minha Casa Minha Vida, que atende famílias com renda de até R$ 2.640. A proposta tem como objetivo trazer novas famílias para o crédito imobiliário.

Leia também:  Venda e Transferência de Veículos 100% Online no Piauí: Facilidade e Segurança para Proprietários

Em resposta à CNN, a Caixa Econômica, um dos dois bancos operadores da Faixa 1 do programa, informou estar pronta para disponibilizar o uso do “FGTS Futuro” assim que as regulamentações forem estabelecidas.

DataInformação
No mês de março de 2024Será implementada a modalidade “FGTS Futuro” no programa Minha Casa Minha Vida, permitindo o uso do saldo futuro do FGTS em financiamentos imobiliários.
Confirmado pelo ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Wellington DiasEm entrevista à CNN.
ObjetivoPossibilitar que trabalhadores utilizem os créditos futuros do FGTS para abater prestações de imóveis financiados pelo programa.
BenefícioOferece às famílias de baixa renda a oportunidade de adquirir imóveis melhores e amplia o acesso às casas populares.
RegulamentaçãoA modalidade depende de regulamentação e será discutida em reunião do Conselho Curador do FGTS em 19 de março.
Redução de taxa de jurosO uso do “FGTS Futuro” como garantia pode resultar em redução na taxa de juros cobrada pelos bancos.
Relacionado à faixa 1 do Minha Casa Minha VidaAtende famílias com renda de até R$ 2.640 e tem como objetivo trazer novas famílias para o crédito imobiliário.
Caixa EconômicaA Caixa está pronta para disponibilizar o uso do “FGTS Futuro” assim que as regulamentações forem estabelecidas.

Com informações de https://www.cnnbrasil.com.br/economia/macroeconomia/fgts-futuro-modalidade-que-alivia-parcelas-da-casa-propria-deve-sair-em-marco-diz-ministro-a-cnn/

Meu Piauí

A Meu Piauí é uma revista online que apresenta e valoriza nosso estado, nossa cultura e nossa gente.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Últimos artigos do Blog