/

HEDA e SESMT promovem tarde interativa com colaboradores para incentivar práticas sustentáveis

Ação incentivou colaboradores do HEDA e Anexo II a adotarem e multiplicarem práticas sustentáveis, além de refletirem sobre a importância da preservação ambiental.

Grandes transformações começam com pequenas atitudes. E repensar nossos hábitos pode ser um caminho para promover a conscientização ambiental e adotar práticas sustentáveis.

Neste sentido, os Recursos Humanos do Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), sob gestão do Instituto Saúde e Cidadania (ISAC), juntamente com o Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT), promoveram, nos dias 6 e 7 de junho, uma tarde interativa com conteúdos educativos para os colaboradores do HEDA e do Anexo II – Hospital Nossa Senhora de Fátima (HNSF).


Com o tema “Juntos, podemos criar um mundo mais sustentável”, os participantes foram incentivados a adotar práticas sustentáveis no seu dia a dia e a refletir sobre a importância da preservação ambiental. E como parte das ações, mudas foram doadas para os colaboradores, reforçando o compromisso com um futuro mais sustentável.

Para Julianne Cunha, psicóloga organizacional do HEDA, o engajamento dos colaboradores é fundamental.

Essas iniciativas são fundamentais para construir uma cultura de sustentabilidade que beneficie nosso hospital, a comunidade e o planeta como um todo, destacou.

Durante o evento, houve um momento de arborização, realizado nas dependências do hospital, simbolizando um esforço conjunto do HEDA e Anexo II, além da distribuição de materiais informativos sobre boas práticas sustentáveis e a relevância da preservação ambiental.

Leia também:  Piauiense Brilha e Garante Vaga em Nobel Jovem de Ciência na Suécia!

Cultura de sustentabilidade

A iniciativa do Hospital visa integrar práticas sustentáveis por meio de ações educativas, incentivando o engajamento dos colaboradores na adoção de comportamentos ecologicamente responsáveis. A meta é disseminar uma cultura de sustentabilidade que transcenda as instalações do hospital, beneficiando todo o meio ambiente.

Além de impactar significativamente a comunidade hospitalar, promoveu união e engajamento entre os colaboradores. E a ação de plantar árvores serviu tanto para embelezar o espaço, quanto como um lembrete da importância da preservação ambiental.

O HEDA reafirmou seu compromisso com a sustentabilidade e a educação ambiental, garantindo que essas práticas se tornem parte integrante da cultura organizacional. A expectativa é que essas iniciativas inspirem os colaboradores, suas famílias e a comunidade em geral, promovendo um impacto positivo e duradouro.

Leia também:  PGR pede que o senador Sérgio Moro seja acusado por calúnia contra Gilmar Mendes

Sobre o HEDA

O Hospital Estadual Dirceu Arcoverde é custeado pelo Governo do Estado do Piauí e está sob gestão compartilhada do ISAC. Possui 278 leitos de internação e observação, oferece mais de 20 especialidades clínicas e cirúrgicas, e atende os casos de média e alta complexidade de urgência e emergência em seus três prontos-socorros: adulto, pediátrico e obstétrico. Em 2022, foi selecionado para participar do sexto ciclo do Projeto Lean nas Emergências e ficou entre os cinco hospitais do Brasil com o melhor desempenho.

Sobre o ISAC

O Instituto Saúde e Cidadania é uma organização social sem fins lucrativos com sede em Brasília (DF) e que gerencia unidades de pronto atendimento (UPAs), ambulatórios, multicentros de saúde, espaço saúde e hospitais. É a primeira OS do Norte e Nordeste – e a segunda da América Latina – a ser acreditada internacionalmente em Rede de Atenção à Saúde com o selo Acreditado Diamante da Qmentum Internacional.

Sane Araujo

Jornalista e pesquisadora, formada em Comunicação Social pela Universidade Federal do Piauí.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Últimos artigos do Blog