Descrição da imagem

EUA enfrentam risco de guerra nuclear com China e Rússia

EUA enfrentam risco sem precedentes de guerra com China e Rússia, alerta chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas do país

O chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas dos Estados Unidos, Mark Milley, apresentou um pedido do governo Joe Biden por um orçamento de Defesa de US$ 824 bilhões (R$ 4,3 trilhões) para o ano fiscal de 2024. A justificativa para esse aumento nos gastos com defesa é o aumento do potencial de conflito armado com países como a China e a Rússia.

Milley alerta que, embora a avaliação seja alarmista, há uma guerra em curso na Ucrânia patrocinada por Vladimir Putin, o maior aliado do chinês Xi Jinping, ambos engalfinhados no âmbito da Guerra Fria 2.0. Ele defende investimentos em armas hipersônicas e outras tecnologias táticas para melhorar as capacidades defensivas dos EUA.

Aliança entre Rússia e China pode se fortalecer ainda mais com possível entrada do Irã no grupo de potências nucleares

Além disso, Milley indica que a aliança entre Rússia e China pode se fortalecer ainda mais se o Irã se tornar uma potência nuclear. Ele alerta que o regime iraniano pode produzir material físsil para uma bomba em duas semanas e uma arma em meses. Milley também mencionou a aceleração do programa de mísseis e armas nucleares da Coreia do Norte.

Leia também:  HUT é destaque na captação de órgãos e tecidos para transplantes no Piauí

EUA já possuem poder bélico suficiente para intimidar seus inimigos

Embora os congressistas estejam preocupados com o risco crescente de conflito com potências nucleares, preparar-se para a guerra é muito caro e lutar no front é ainda mais caro. Os EUA já possuem o maior gasto militar do mundo, empregando US$ 767 bilhões (R$ 3,9 trilhões) em defesa em 2022, contra US$ 242 bilhões (R$ 1,2 trilhão) da China e US$ 88 bilhões (R$ 450 bilhões) da Rússia.

Em termos estratégicos, os Estados Unidos já detêm poder bélico suficiente para intimidar seus inimigos. Dos cerca de 1,36 milhão de militares americanos, 250 mil estão postados no exterior, disponíveis para agir rapidamente caso seja necessário. Além disso, os EUA possuem uma frota de 11 porta-aviões com propulsão nuclear capazes de levar seu arsenal atômico a qualquer ponto do planeta.

Em resumo, embora o conflito com a China e a Rússia não seja inevitável ou iminente, os Estados Unidos enfrentam um risco sem precedentes de guerra com duas potências nucleares simultaneamente. A fim de estar preparado para evitar um possível desastre, Mark Milley pediu ao Congresso para aprovar o maior orçamento de Defesa da história do país.

Leia também:  Prazo para entrega do IR 2023 termina hoje: evite multas!
Notícia: Os Estados Unidos enfrentam risco de guerra com China e Rússia
Por quê? Ambas as nações são potências nucleares e possuem meios para ameaçar a segurança nacional dos EUA.
Preocupações: O chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas dos EUA, Mark Milley, apresentou um pedido de orçamento de Defesa de US$ 824 bilhões para o ano fiscal de 2024, a fim de melhorar as capacidades defensivas dos EUA e evitar uma possível guerra. Congressistas estão preocupados com o risco crescente.
Elementos de risco: China tem milhares de mísseis em seus arsenais, que seriam difíceis de conter pelos EUA com seu inventário atual. A aliança entre Rússia e China pode se fortalecer ainda mais se o Irã se tornar uma potência nuclear. A Coreia do Norte acelerou seu programa de mísseis e armas nucleares.
Poder bélico dos EUA: Os EUA já possuem o maior gasto militar do mundo e detêm poder bélico suficiente para intimidar seus inimigos. Dos cerca de 1,36 milhão de militares americanos, 250 mil estão postados no exterior, disponíveis para agir rapidamente caso seja necessário. Além disso, os EUA possuem uma frota de 11 porta-aviões com propulsão nuclear capazes de levar seu arsenal atômico a qualquer ponto do planeta.

Com informações de https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2023/03/eua-alertam-para-risco-de-guerra-nuclear-com-china-e-russia.shtml

Meu Piauí

A Meu Piauí é uma revista online que apresenta e valoriza nosso estado, nossa cultura e nossa gente.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

Últimos artigos do Blog